Novidades do Blog

Você está em Home Blog
19 dez

Gripe em crianças: sintomas, tratamento e prevenção

Durante o período mais frio, entre os meses de junho e setembro, o tempo mais seco e as oscilações constantes de temperatura são o prato perfeito para o vírus Influenza, responsável pela gripe. E, assim como em nós, a gripe em crianças pode tirar o sono da casa toda.

Como vimos recentemente, as crianças foram um dos públicos alvos da campanha de vacinação contra a gripe.

Como seu sistema imunológico ainda está em desenvolvimento, e não consegue oferecer uma ação rápida contra o invasor, os pequenos são muito afetados.

Dessa forma, caso o Influenza atinja uma criança, existe uma chance maior do quadro se agravar e evoluir para uma pneumonia ou em outro caso mais grave.

Nesse texto, reunimos os principais sintomas, como tratar a Influenza e qual a melhor forma de prevenir os pequenos. Descubra bons métodos para acabar com a gripe em crianças!

Quais são os principais sintomas?

A gripe é uma infecção dos pulmões e vias aéreas transmitida pelas gotículas de saliva na tosse ou no espirro de uma pessoa que está infectada.

Se seu filho, ou até mesmo você, está gripado, você deve estar se perguntando quando houve contato com alguma pessoa doente.

Os vírus presentes nas gotículas são liberados pelo nosso corpo quando tossimos, espirramos, falamos, etc.

Além disso, o período de contágio da gripe pode começar até dois dias antes dos sintomas ficarem aparentes.

Por isso, muitas vezes o contato com o vírus é inevitável, já que mesmo a pessoa doente pode não saber que está infectada, pois não apresentou os sintomas ainda.

Mulher verificando temperatura da criança, no artigo "Gripe em crianças"

No início, os sintomas como garganta irritada, tosse seca, congestão nasal e dor de cabeça são mais brandos. Conforme a tosse se intensifica, começa a expectoração.

Logo depois, pode aparecer febre alta com calafrios e muita dor no corpo.

Sendo que, a maioria desses sintomas diminui em cerca de três ou cinco dias.

Além disso, é importante  que os responsáveis entendam que gripe e resfriado são diferentes. Apesar dos sintomas serem parecidos, eles são mais fortes na gripe.

Ao contrário da gripe, os resfriados não causam febre e indisposição generalizada.

De qualquer forma, na dúvida, leve seu bebê ao médico para receber orientações e medicá-lo da forma correta.

O agravamento de uma gripe mal cuidada pode evoluir para um quadro de pneumonia.

Isso ocorre quando o corpo está infectado pelo vírus influenza, debilitando os mecanismos de defesa, e deixa o organismo mais suscetível a outras infecções.

Como tratar a gripe em crianças?

A gripe em crianças é muito comum e, após identificar os sintomas, é ideal iniciar o tratamento desse mal.

Desde já, a criança deve ficar de repouso e evitar qualquer tipo de esforço físico.

Além disso, é fundamental que a criança se mantenha bem hidratada, principalmente nos casos com febre, para evitar a desidratação. Ofereça muito líquido como água, sucos naturais, água de coco.

Bem como criar o hábito de lavar as mãos desde pequeno.

Pois assim você evita que o pequeno fique tão exposto a oportunidades de entrar em contato com o vírus.

Outro ponto importante é impedir que a criança frequente o ambiente escolar durante o período que estiver doente.

Por se tratar, geralmente, de espaços mais fechados e com diversas crianças, a transmissão do vírus Influenza pode ser fácil e rápida.

Além disso, os pequenos amam brincar, colocar os brinquedos na boca e compartilhá-los com todos os seus coleguinhas.

Se você ainda acredita que não vale poupar seu filho de alguns dias na escola, saiba que as crianças transmitem o vírus da gripe pelo dobro do tempo de uma pessoa adulta.

Afinal, evitar que a gripe em crianças se alastre para os coleguinhas de escola é uma forma de gentileza e preservação da saúde e bem estar de todos.

Ajuda médica

Caso acredite ser preciso, busque a ajuda de um profissional pediatra. Ele poderá avaliar seu bebê e indicar medicamentos específicos de acordo com a necessidade.

Se a tosse, seca ou com expectoração, estiver em excesso e gerando incômodo, o médico  pode aconselhar um xarope adequado ao tipo de tosse e à idade da criança.

O Xarope Guaco Melpoejo é recomendado em casos de descongestionamento nasal e também como expectorante, aliviando o peito cheio do bebê.

Fique atento! Não dê nenhum medicamento sem a consulta e expressa orientação de um médico pediatra.

Prevenção da gripe em crianças

A principal forma de prevenir a gripe em crianças é através da vacinação contra a Influenza.

Ela pode ser oferecida a partir do 1 ano e é gratuita na rede pública para crianças de até 6 anos.

Como o vírus se modifica anualmente e as crianças são um grupo de risco, a vacina deve ser reforçada todos os anos.

Além da vacina, alguns tipos de alimentos na dieta podem ajudar a reforçar o sistema contra o vírus.

A combinação de alimentos nutritivos tem o poder de deixar uma pessoa saudável e com uma imunidade forte.

Durante a gripe é importante aumentar a ingestão de calorias e líquidos. Pois, o corpo aumenta o metabolismo para compensar o desgaste no combate contra a doença.

É comum perdermos o apetite quando estamos gripados e não querermos ingerirmos nada. Por isso, os melhores alimentos são chás, sopas, frutas e legumes crus ou cozidos que reforçam o sistema e são práticos de serem consumidos.

Além disso, algumas dicas podem ajudar a evitar o contágio da gripe:

  • Lave sempre as mãos;
  • Dê preferência a lenços descartáveis e sempre descarte após o uso;
  • Mantenha o ambiente ventilado;
  • Tente tapar a boca no seu ombro ao tossir e espirrar;
  • Não compartilhe objetos de uso pessoal, como copos e talheres;
  • Evite o contato (abraços, beijos, aperto de mão) com a pessoa doente;
  • Fique longe de aglomerações em épocas de muito frio e oscilações de temperatura.

É possível que, mesmo depois de todo tratamento e prevenção, a gripe volte a atacar.

Por isso, é importante trabalhar com o pequenino as medidas de prevenção e cuidados contra a gripe em crianças.

Curtiu o texto? Fique ligado em nosso blog  e saiba tudo sobre as últimas novidades e informativos do Laboratório Melpoejo.