Novidades do Blog

Você está em Melpoejo Blog
29 jun

Como acontece o desenvolvimento do sistema imunológico infantil?

Nos primeiros anos de vida não há grande desenvolvimento do sistema imunológico infantil, mas com o tempo as crianças vão fortalecendo a imunidade.

As mamães de longa data sabem que as gripes, resfriados, viroses, são uma constante nos primeiros meses de vida. O desenvolvimento do sistema imunológico infantil ainda não está completamente maturo e isso pode facilitar o aparecimento dos quadros.

Por isso, é comum vermos mamães e papais de primeira viagem tendo um grande cuidado com a saúde dos filhos durante toda a infância.

Mas se você é um papai ou mamãe de primeira viagem pode ficar tranquilo. Atitudes simples, e necessárias, para a saúde do bebê, como as vacinas e o aleitamento materno, já ajudam muito no fortalecimento da imunidade.

Inclusive, o leite materno deve ser ingerido unicamente até o sexto mês de vida e toda mulher deve amamentar o seu bebê, salvo alguma contraindicação do pediatra.

De acordo com dados da OMS, somente 38,6% dos bebês brasileiros se alimentam só com o leite da mãe nos primeiros 5 meses de vida.

Além disso, outros cuidados podem servir de apoio para o sistema imunológico do pequeno e ajudar a barrar, ou amenizar, os quadros patológicos através do aumento da imunidade.

Por outro lado, é preciso proteger as crianças com moderação. É necessário que a criança construa as próprias defesas naturais para que o desenvolvimento do sistema imunológico infantil seja saudável.

O que é Sistema Imunológico?

Inicialmente, podemos dizer que o sistema imunológico é um conjunto de células e órgãos que protegem o corpo contra agentes infecciosos.

Ou seja, juntos eles atuam com o objetivo defender o corpo contra doenças, vírus, bactérias, micróbios, entre outros.

Assim, o sistema imunológico representa a principal linha defesa do corpo humano, uma proteção invisível contra os antígenos, que tentam invadir o nosso corpo.

Sistema Imunológico Infantil

O desenvolvimento do sistema imunológico infantil começa ainda na gravidez, mas só estará completamente pronto na adolescência.

Até os quatro anos de vida, o sistema de defesa de uma criança é parcialmente imaturo.

Nessa idade, após tomar a maioria das vacinas essenciais para o seu desenvolvimento, o sistema imunológico da criança estará mais forte.

Portanto, a partir dessa idade, o desenvolvimento do sistema imunológico infantil vai evoluindo até completar a sua maturidade na adolescência.

Mas isso não quer dizer que você precisa esperar a maturidade do sistema imunológico da criança de braços cruzados.

Confira dicas valiosas que ajudam a fortalecer a imunidade das crianças!

Desenvolvimento do Sistema Imunológico Infantil – Dicas para reforçar a imunidade do bebê

Em primeiro lugar, é importante lembrar que a imunidade dos pequenos está em formação e, conforme o organismo amadurece, ela tende a aumentar e diminuir os episódios de doenças.

No entanto, algumas atitudes simples e eficazes auxiliam no desenvolvimento do sistema imunológico infantil.

Amamentar

Como dito anteriormente, a Organização Mundial da Saúde recomenda o aleitamento materno como fonte de alimentação exclusiva até os seis meses de vida.

O leite materno é muito importante para a saúde do recém-nascido, porque nele existem inúmeros anticorpos que a mãe passa ao seu filho para a construção da imunidade dos bebês.

Após o período de aleitamento exclusivo, a mamãe deve alternar a alimentação com frutas, legumes e verduras em forma de papinha.

Conheça a importância do aleitamento materno para a saúde do bebê e da mamãe

Vacinas

As vacinas são fundamentais para o desenvolvimento e fortalecimento do sistema imunológico dos bebês e das crianças, principalmente no primeiro ano de vida.

Mas vale apontar que os reforços das vacinas são tão importantes quantos as primeiras doses. As doses de reforço são as responsáveis por deixar as crianças imunes a diversas doenças.

O calendário de vacinação é capaz de orientar quando e quais doses tomar desde o nascimento até a senioridade.

Para o recém-nascido, o recomendado é que as mamães e papais conversem com o pediatra para verificar quais vacinas são essenciais e em quais unidades as doses podem ser administradas.

Vale dizer, que boa parte das vacinas são disponibilizadas pelo SUS.

Leia sobre a Importância da Vacinação Infantil

Higiene Pessoal

Manter uma boa higiene é essencial para manter vírus e bactérias longes do seu bebê.

Só para exemplificar, quando o pequeno brinca no chão ou troca brinquedos com um amiguinho e, em seguida, leva a mão ao nariz ou a bocam ele espalha os vírus e bactérias por todo seu corpo.

Portanto, ensine a criança a adotar hábitos saudáveis de higiene desde pequeno, como lavar as mãos, escovar os dentes, entre outras.

Sol

Posto que o Sol é importante para o nosso corpo produzir a Vitamina D e alimentar células responsáveis pela imunidade, tire um tempinho no Sol com seu bebê.

Mas lembre-se: o horário mais seguro para a exposição solar e a resposta será sempre a mesma: os raios mais saudáveis brilham antes das 10 horas e depois das 16 horas.

Alimentação Saudável

Os nutrientes presentes nos alimentos são essenciais para o desenvolvimento do sistema imunológico infantil.

Por isso, após inserir alimentos sólidos na alimentação, eduque o paladar da criança com alimentos que contêm vitaminas e minerais que ajudam a reforçar a defesa do organismo, como:

  • Frutas;
  • Verduras;
  • Legumes;
  • Carne;
  • Leite. 

Um bom soninho ajuda

Uma boa noite de sono descansa, revigora e auxilia no desenvolvimento do sistema imunológico infantil.

Além disso, a privação do sono libera cortisol – hormônio do estresse —, que acarreta na diminuição da imunidade.

Uma vez que o descanso auxilia no fortalecimento imunológico e na correta absorção de toda a informação que os pequenos recebem diariamente, o soninho é oficialmente um ótimo remédio!

 

 

Em resumo, o sistema imunológico é a defesa natural que o corpo tem para combater infecções causadas por agentes infecciosos, como vírus e bactérias.

Inicialmente, as crianças estarão expostas pelo fato do desenvolvimento do sistema imunológico infantil ainda ser imaturo.

A partir de cuidados e o acompanhamento com um pediatra, a imunidade do bebê será fortalecida a cada mês de vida.

O importante é ter paciência e contar com o apoio para manter a saúde do seu bebê em dia.

Fonte: Ministério da Saúde e Sociedade Brasileira de Pediatria